Curso

Nova oferta sobre a incorporação de Tecnologia em Saúde

Com carga horária de 20h, o curso trata do processo de avaliação e submissão de uma tecnologia para incorporação no SUS, incluindo revisão sistemática, custo-efetividade e impacto orçamentário, entre outros conceitos.

- Ascom SE/UNA-SUS



Profissionais de saúde interessados em aprofundar os conhecimentos sobre a incorporação de tecnologias em Saúde, já podem se inscrever na segunda oferta do curso desenvolvido pela Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA), uma instituição integrante da Rede UNA-SUS. O curso é livre, totalmente gratuito e tem início imediato. As matrículas podem ser realizadas até 16 de outubro de 2019, pelo link.

A qualificação foi desenvolvida para habilitar profissionais da área da saúde sobre aspectos introdutórios da avaliação de tecnologias em saúde, incluindo a introdução aos conceitos de revisão sistemática, custo-efetividade e impacto orçamentário, além de tratar do processo de submissão de uma tecnologia para incorporação no SUS. Demais interessados no tema também podem fazer o curso e receber o devido certificado.

O curso propicia a compreensão do fluxo de incorporação de uma tecnologia no SUS e dos princípios básicos que sustentam uma incorporação: revisão sistemática de efetividade e segurança, análise de custo-efetividade e impacto orçamentário. Para isso, o conteúdo é estruturado em módulo único, organizado em mapa de estudo, incluindo leituras, casos e atividades avaliativas.

A oferta está organizada em cinco temas: Avaliação de tecnologias em Saúde; Processo de revisão sistemática; Custo-efetividade e impactos orçamentários; Processo de submissão de tecnologia para incorporação no SUS; Consulta pública em submissões de tecnologias.

Segundo a enfermeira Cintia Cardoso Natalucci que coordena o ambulatório do Hospital da Mulher Heloneida Studart (HMHS) em São João de Miriti, RJ, o curso contribuiu de maneira significativa para o seu desenvolvimento profissional frente às questões de gestão e implementação. “Excelente conteúdo e de grande aplicabilidade na gestão e assistência ao usuário”, destaca.

Já a bióloga e farmacêutica, Marcela da Silva Lira Correia, afirmou que “o curso foi essencial para o desempenho no comitê de farmácia e terapêutica do estado de Pernambuco” uma vez que seu trabalho consiste em atualizar normas técnicas Estaduais, Guias de Orientação ao Usuário, avaliação de incorporações de medicamento entre outras atribuições.

Para saber mais sobre esse e outros cursos UNA-SUS, acesse www.unasus.gov.br/cursos.