Hanseníase na Atenção Primária: inclusão social por meio do enfrentamento ao estigma e da discriminação


Carga horária: 10 horas

Público alvo:

Profissionais de saúde de nível superior, atuantes nos serviços de Atenção Primária à Saúde, sobre a hanseníase, no que tange a realização de diagnóstico e tratamento da doença.

Formato: Ensino a Distância
Nível: Outros
Modalidade: Qualificação

O Hanseníase na Atenção Primária: Inclusão social por meio do enfrentamento ao estigma e da discriminação propõe promover o desenvolvimento do pensamento crítico-reflexivo sobre o processo de cuidado em hanseníase com vistas ao enfrentamento do estigma e da discriminação nos cenários de práticas da Atenção Primária à Saúde (APS), promovendo, assim, a construção da autonomia dos sujeitos. O programa é autoinstrucional e possui a carga horária total de 10 horas. Está estruturado em 3 (três) unidades

Ofertas

1ª 2022 50.000 Vagas
Encerrada em 30/07/2022