Acesso à informação
Suporte

Você está aqui

UNA-SUS participa da XII Reunião do Colegiado de Coordenadores de Saúde da Pessoa Idosa

A promoção e a prevenção à saúde da Pessoa Idosa são fundamentais para garantir o bem-estar durante toda a vida. Não é novidade que a população brasileira tem seguido a tendência mundial de envelhecimento o que exige a revisão e o desenvolvimento de novas linhas de ação para o atendimento integral a esta população que, segundo o IBGE, já atingiu a marca de 207 milhões de habitantes.

 

Atentos a isso, o Colegiado de Coordenadores de Saúde da Pessoa Idosa, do Ministério da Saúde/COSAPI - Coordenação de saúde da Pessoa Idosa - se reúne hoje e amanhã em Brasília, para refletir sobre as ações e estratégias que vem sendo desenvolvidas pelo governo federal para aumentar a qualidade de vida dos idosos.

 

Na ocasião, foram apresentadas ferramentas que otimizam a rotina do profissional de saúde e, consequentemente, contribuem para a implementação da linha de cuidado da pessoa idosa no âmbito do SUS. É o caso do aplicativo Saúde da Pessoa Idosa, apresentado pelo coordenador de gestão do conhecimento da SE/UNA-SUS-Fiocruz, Vinicius de Oliveira.

 

Desenvolvido pela Universidade Aberta do SUS (UNA-SUS), em parceria com Ministério da Saúde, o aplicativo tem como objetivo apoiar os profissionais de saúde nas decisões relacionadas a esses pacientes. Para isso, são disponibilizadas ferramentas que possibilitam a identificação da escala de vulnerabilidade do idoso na comunidade e na família para definir o foco do acompanhamento, além de permitir a avaliação da massa corporal em relação à altura, detectando o estado nutricional dos idosos.

 

A ferramenta - disponível gratuitamente pelo Google Play para Android - é uma extensão dos cursos Atenção Integral à Saúde da Pessoa Idosa I e IItambém desenvolvidos pela UNA-SUS.

 

Módulo I é voltado para profissionais de saúde de nível superior, mostra um panorama geral do envelhecimento no país e apresenta as principais questões no atendimento da população com 60 anos ou mais. O conteúdo está dividido em cinco unidades - Envelhecimento Populacional, Ações Estratégicas, Avaliação Multidimensional e Condições Clínicas e Trabalho em Equipe.

 

Módulo II tem como objetivo atualizar Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e técnicos de enfermagem nas recomendações nacionais para a atenção à saúde da pessoa idosa, no âmbito da Atenção Primária à Saúde. São abordados diversos temas relacionados à atuação desses profissionais na atenção à saúde da população idosa, como por exemplo, o mapeamento dessa população, o trabalho em equipe, o acolhimento, o planejamento de cuidados e a promoção da saúde.

 

“O aplicativo é realmente a implantação de uma ação de educação permanente de forma inovadora, porque ele leva para o dia a dia a aplicação dos conceitos e conteúdos tratados nos cursos. Ele também facilita a atuação do profissional de saúde porque concentra informações e ferramentas num único ícone do seu telefone”, explica, Oliveira.

 

Ambos os cursos estão com inscrições abertas até o dia 20/12!

 

Não perca esta oportunidade e comece 2018 com mais essa qualificação!